O circo da Selecção Nacional

Manuel José, treinador de futebol com uma longa carreira e cuja última experiência o recheou de títulos, teceu duras críticas à nossa Selecção.
Mais não fez, no fundo, do que verbalizar as ideias da maioria dos portugueses, que sentem na pele a frustração de anos a ver promessas sem concretizações.
Assim se passou com todas as gerações futebolísticas. Todas elas foram polémicas, todas elas promissoras e todas desprovidas de palmarés.
Manuel José refere-se à falta de profissionalismo que rodeia a equipa de todos os portugueses como um "autêntico circo", pela sequência de festas que levam à distracção dos jogadores.
Será que a Selecção que mais dinheiro dispende precisa de mais distracções? Será que o ambiente é mais de folga do que de responsabilidade? Será que por detrás daquela face sisuda de Paulo Bento temos um treinador fraco e que não se consegue impor?
Aconteça o que acontecer, Portugal já começou mal. Mesmo que a vitória nos seguisse até ao final do torneio, mesmo que o título fosse conquistado pelos nossos jogadores, esta nunca seria a forma mais correcta de lutar por algo que é uma responsabilidade deste país há muitos anos: lutar por um lugar de destaque em todo o Mundo e em qualquer actividade!

Comentários

Mensagens populares